Para melhorar medidas astronômicas, cientista quer colocar lâmpada em órbita

Luz emitida poderia servir como referência para outras medições no universo

Um astrônomo da Universidade de Vitoria, no Canadá, deu uma sugestão pouco usual para ajudar nas medidas de distância feitas no espaço: colocar uma lâmpada em órbita. Segundo Justin Albert, o autor da ideia, a lâmpada serviria de referência para outras medições, já que os cientistas saberiam exatamente informações sobre a quantidade de luz emitida por ela e a distância dela para a Terra.

O projeto nasceu do fato de que qualquer medição astronômica depende de alguma outra referência para calibrar os telescópios. Albert sugere que seja usada uma lâmpada comum, de 25 watts, que teria um brilho equivalente a uma estrela de magnitude 12.5.

Atualmente, alguns telescópios e satélites carregam lâmpadas próprias de tungstênio ou hidrogênio para ajudar nas medições, mas elas sofrem influência de temperatura externa e, geralmente, mudam de brilho – o problema seria facilmente resolvido com as lâmpadas comuns.

Agora, Albert está desenvolvendo balões de grande altitude para colocar as lâmpadas no céu e descobrir se sua teoria funciona de verdade.

 

Fonte: Olhar Digital

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: