Filme de Jornada nas Estrelas em preparação + Nova HQ como “Prelúdio”

Novo Jornada nas Estrelas terá HQ como prelúdio

Novo Jornada nas Estrelas terá HQ como prelúdio

Traduzido de matéria no site Trekmovie (http://www.trekmovie.com) de 30 de setembro de 2011

Ainda aguardamos anúncios oficiais a respeito do proximo longa de Jornada nas Estrelas, mas em uma recente entrevista o produtor e co-roteirista Roberto Orci deu uma breve atualização sobre o trabalho em andamento. Orci e Mike Johnson (roteirosta de histórias em quadrinhos) também falaram sobre como a nova série da editora IDW conectará com a sequência.

Em entrevista focando a nova série de histórias em quadrinhos de Jornada nas Estrelas, Roberto Orci confirmou também que JJ Abrams será o diretor.

Orsi: “O elenco está animado. Nós temos um diretor. Já começamos a buscar locações de filmagem. Para esta nova etapa a tripulação já está reunida desde o começo, então podemos saltar diretamente para a aventura.”

Orsi e o escritor de quadrinhos Mike Johnson também falaram sobre como a nova série em quadrinhos “Jornada nas Estrelas” em andamento vai tanto recontar histórias da Série Clássica original e também conectar-se com o filme ainda por vir.

Johnson: “Conforme nos aproximamos do próximo filme, as histórias vão começar a lançar alguma luz sobre os eventos do filme, como possivelmente introduzir novos personagens que veremos na tela… trocadilho este totalmente intencional.

Cada episódio será contado em duas edições, assim nas edições #3 e #4 vamos revisitar os eventos do episódio “Os Sete da Galileo”. Estou muito animado sobre este porque é uma história centrada em Spock que explora sua breve experiência como oficial comandante e como ele foi afetado por perder o comando da Enterprise para Kirk no filme anterior. Não posso adiantar quais episódios virão após este, mas posso dizer que os eventos irão desviar mais e mais das versões Clássicas conforme a nova linha do tempo evolui.”

Orsi: “Revisitar episódios originais na nova linha do tempo é ótimo por dois motivos. Primeiro,  podemos fazer coisas que não poderíamos em filme, simplesmente porque não temos tempo para explorar tantas diferentes aventuras na duração de um filme. E segundo, é muito divertido revisitar as histórias classicas. Imagine ser convidado a tocar com sua banda favorita. As canções clássicas nunca mudarão, mas você forçosamente as tocará de um modo diferente.”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: