Curiosidades que você desconhecia sobre o filme ‘Caça-Fantasmas’

Fonte: Dito pelo Maldito

Se você tem cerca de 30 anos e veio diretamente dos anos 80, assim como eu, também deve ser um fã incondicional dos Caça-Fantasmas. Principalmente dos dois filmes clássicos da franquia que foram exibidos tantas vezes na antiga Sessão da Tarde, que provavelmente todos nós conhecemos o enredo de cor e salteado. 

Sendo assim, pode parecer que qualquer coisa que eu diga sobre o assunto aqui, não será novidade pra ninguém. Mas depois de quase três décadas do lançamento do primeiro filme, garanto que uma pesquisa na internet ainda pode revelar curiosidades espantosas sobre o primeiro filme desse grande sucesso do passado.

Veja abaixo todos os fatos raros que reunimos sobre o filme, e confira como a magia do cinema funcionava bem melhor quando não tínhamos a menor noção do que acontecia por trás das câmeras…

 

1. Chevy Chase e Michael Keaton recusaram o papel de Dr. Peter Venkman (personagem de Bill Murray), e Eddie Murphy não pode interpretar Winston Zeddemore porque filmava ‘Um Tira da Pesada’ no mesmo ano.

 

2. O papel de Bill Murray foi originalmente concebido para John Belushi, mas ele morreu enquanto o roteiro estava sendo escrito.

 

3. Hoje a sede do quartel dos Caça-Fantasmas funciona como uma oficina mecânica. Caso queira dar uma olhada no local pelo Google Street View, ele está localizado na 14 N. Moore St., Manhattan, Nova York.

4. O termo ‘Mochila de Prótons’ nunca foi realmente usado até o meio do segundo filme. Na seqüência, Spengler diz: “Antes de irmos adiante, acho que devemos ligar nossas mochilas de prótons.”
 
5. No roteiro original Dan Aykroyd levou a história para algum lugar no futuro, mas Harold Ramis reescreveu a trama nos tempos modernos. Como resultado, o orçamento da produção que tinha uma projeção de $300 milhões, foi cortado para pouco mais de $30 milhões.
6. O ator porno Ron Jeremy fez uma ponta como figurante no filme, e posteriormente acabou atuando em uma paródia erótica intitulada This Aint Ghosbusters XXX.
7. A cena da prisão foi filmada em uma cadeia de verdade, e Dan Aykroyd saiu de lá com a absoluta certeza de que o edifício era assombrado.
 
8. Para mostrar o tamanho gigantesco de Stay-Puft, o homem de marshmallow, ele originalmente deveria sair da água ao lado da estátua da Liberdade. Mas a cena ficou muito difícil de ser filmada e eles acabaram desistindo da ideia.
9. O fantasma gosmento Géleia foi inserido na história por Dan Aykroyd como uma referência ao espírito de John Belushi. O que explicaria sua feição e estilo glutão.
10. O elenco e a equipe da produção se referiam ao Geleia como “Cabeça de Cebola” por causa do quão ruim cheirava o plástico usado na confecção da fantasia do personagem.
 
11. O marshmallow que explode em William Atherton no fim do filme, são realmente 50 quilos de creme de barbear.
12. Houve uma segunda versão do boneco do fantasma da biblioteca, mas foi rejeitado porque “parecia muito nojento”. Mais tarde a marionete rejeitada seria utilizada como um vampiro do filme ‘A Hora do Espanto’, que foi lançado um ano após Caça-Fantasmas.

Poderá também gos

Astronautas treinando em uma instalação da Agência Espacial Européia.

Futurando – como é o treinamento de astronautas

O Futurando chegou à edição 50, e para comemorar esta data especial o programa vai mostrar as últimas novidades do espaço! Conheça como funciona o treinamento de astronautas e também uma fábrica de foguetes.

Para ir ao espaço, os astronautas precisam de um treinamento especial. A equipe do Futurando foi ver como é a preparação deles antes entrar em órbita e conhecer alguns experimentos que serão levados para a Estação Espacial Internacional no próximo ano.

O programa vai mostrar também equipamentos especiais usados no treinamento de astronautas. No Centro Aeroespacial Alemão (DLR), em Colônia, uma centrífuga foi montada para submeter o astronauta a diferentes tipos de pressão e estresse.

São poucos que conseguem ver a Terra do espaço, e alguns astronautas dizem que é uma sensação única, principalmente porque, lá de cima, a Terra não tem fronteiras. Um grupo de astronautas se encontra regularmente para difundir a ideia de união entre as nações. O Futurando conversou com eles.

Técnica no espaço

Ser o primeiro país a enviar um humano ao espaço, ser o primeiro a pisar na Lua, conquistar proezas fora da Terra são motivos de disputa constante entre alguns países. O próximo programa vai mostrar como está a corrida espacial atualmente.

E com tantos países mandando satélites para o espaço há décadas, o resultado é um grande acúmulo de lixo espacial em volta do planeta. A equipe do Futurando foi conhecer pesquisas científicas que prometem minimizar este problema. Cientistas alemães desenvolveram um raio laser capaz de atingir os entulhos e reduzir o risco de colisões.

Conheça também o maior satélite de comunicação da Europa. Ele promete melhorar a qualidade da internet, TV e telefones celulares.

Satélites e telescópios estão cada vez mais avançados, o que possibilitou a descoberta de novos corpos celestes. Veja no próximo programa um planeta descoberto que tem características parecidas com as da Terra.

Toda essa tecnologia espacial é desenvolvida por especialistas. A equipe do Futurando foi conhecer a empresa aeroespacial Astrium, onde foguetes e até uma parte da Estação Espacial Internacional são construídos.

  • Data 21.08.2013
  • Autoria Kamila Rutkosky
  • Edição Francis França

O Futurando é transmitido no Brasil pela Rede Minas. Para assistir online, acesse http://www.redeminas.tv/

Futurando é exibido aos sábados, às 13h00.

Especial inédito do HISTORY adentra o set de Além da Escuridão-Star Trek e investiga o que cinema e ciência têm em comum

ST Especial History

Muito do que se considerava fato de ficção científica tornou-se fato científico nos últimos 50 anos. Ou seja, desde a chegada do homem à Lua – fato que poderia parecer absolutamente improvável um século antes e que alguns céticos ainda acreditam ter sido uma jogada de marketing a fim de provar o poder americano – passou-se a questionar se seria possível eliminar a barreira entre ficção e realidade.

Essa é a premissa de Star Trek: Segredos do Universo, especial que o HISTORY estreia de 23/8, sexta-feira, às 22h. O programa inédito invade os bastidores do novo filme de JJ Abrams, Além da Escuridão – Star Trek, conversa com o elenco (Zachary Quinto e Chris Pine, entre outros) e investiga a incrível ciência que o longa apresenta aos espectadores.

Entre outras curiosidades, em duas horas de programa, é especulado o que se supõe encontrar em exoplanetas (astros que não pertencem ao sistema solar e orbitam em torno outras estrelas). É indagada também a física do impulso warp, uma forma de propulsão mais rápida que a luz, que só existe, até hoje, no mundo ficcional de Star Trek – e que permitiria impulsionar uma espaçonave ou outros objetos a muitos múltiplos da velocidade da luz. De forma didática e divertida, o especial aponta ideias sobre como o ser humano viveria em um universo igual ao do filme.

Star Trek: Segredos do Universo traz ainda depoimentos do diretor da nova versão de Star Trek, JJ Abrams, além de reconhecidos cientistas que relacionam temas abordados no filme com aquilo que é real em 2013. Por exemplo, Caleb Scharf, astrobiólogo da Universidade de Columbia, comenta que nada na nave projetada para o filme aponta que ela não poderia funcionar caso fosse levada ao espaço. Desde a localização dos motores até o lugar reservado para a tripulação, tudo é bem pensado. Para Paul Doherty, do Museu Exploratorium de São Francisco, o conceito aplicado na engenharia de uma nave é o mesmo de um porta-aviões, onde vivem milhares de pessoas que precisam de água e alimento. Para maior realismo no set, Abrams pediu que o cenário reproduzisse fielmente a nave, com pontes que de fato conduziam a diferentes espaços.

Sobre o HISTORY™

Referência para todos os conteúdos televisivos que se relacionam com a história, HISTORY™ é um dos nomes de maior prestígio na televisão internacional e a marca mais reconhecida e valorizada pelo público latino-americano. Sua programação atual e relevante, em forma de entretenimento, inclui multipremiadas produções originais, séries de sucesso e autênticos e fascinantes especiais, formando uma conexão do passado com os nossos dias e o futuro, de maneira vibrante. HISTORY™ ultrapassa as fronteiras da televisão, permitindo que seu público faça parte de uma experiência global, por meio de sua plataforma múltipla de comunicação, estabelecendo uma relação emocional e comprometida.

Para mais informações: http://www.seuhistory.com

Escrito por Surya Bueno do site http://www.aumanack.com

Tripulação da Enterprise na Microsoft

Fonte: TrekBrasilis

teletransporteA Microsoft lançou um monte de curiosidades sobre a empresa através do site Windows by the numbers. Muitos desses fatos são estatísticas de marketing, como o número de aplicativos do Windows Phone (170.000), quantas pessoas usam o Office (1 bilhão), ou quantos usam o controlador de movimento Kinect para Xbox (24 milhões vendidos em todo o mundo).

Mas havia alguns que realmente chamaram a atenção. A Microsoft detém uma das maiores coleções de arte no mundo: 4728 peças. Isto inclui um pedaço do Muro de Berlim e a escultura de Devorah Sperber que mostra Spock, Kirk e McCoy, da série original, sendo o teletransportados no hall de entrada do Studio D da empresa.

O efeito de transporte na escultura foi feito a partir de 75 mil pequenas miçangas.